Internacional

Boris Johnson é o novo primeiro-ministro do Reino Unido

Triunfo

A Argélia sagrou-se vencedora da Copa Africana das Nações (Coupe d’Afrique), realizada, entre junho e este mês, no Egito. O Senegal foi o vice-campeão, cabendo as terceira e quarta posições à Nigéria e a Tunísia. Já Ismaël Bennacer, considerado o melhor jogador do torneio (joga pelo  time nacional argelino e é contratado pelo Clube Italiano Empoli), pontificou como a estrela mais brilhante.

Premier

Boris Johnson (flash by Presidência da Estônia) é o novo primeiro-ministro do Reino Unido. Controverso e conhecido por sua personalidade contundente, foi alçado à chefia do governo britânico pós-vitória na contenda interna do Partido Conservador (Tories) em que disputou com Jeremy Hunt. A política externa defendida pelos Conservadores no parlamento –especialmente no que tange ao Brexit- não reflete necessariamente o desiderato da maioria dos britânicos e tal divergência é explícita no legislativo. Muitos analistas apontam que será um governo marcado pela tensão, máxime pela forma abrupta e sem as negociações necessárias para a saída da UE com o mínimo de trauma econômico e, ainda, o receio da maneira como provavelmente Johnson favorecerá os interesses dos EUA em detrimento das relações com a Europa.

Adeus

O FMI-Fundo Monetário Internacional- alerta sobre os riscos para a economia global se o Reino Unido sair da UE sem um acordo. Registre-se que o novo Primeiro-Ministro assevera que a saída definitiva do seu país será consumada no próximo 31 de outubro, independentemente de quaisquer negociações.

Meeting

Atenção para a cúpula do G-7, que realizar-se-á em Biarritz , França (foto), no final de agosto. Esse poderoso grupo engloba Estados Unidos, Reino Unido, França, Japão, Alemanha, Itália e Canadá. Com a participação da Rússia formou-se o G-8, mas a invasão da Criméia e as subsequentes sanções internacionais obstaculizaram a permanência de Moscou no requintado clube político. O Brasil participará da cimeira na condição de convidado especial.

Medellin em ascensão

A Colômbia dá importantes passos rumo ao desenvolvimento e à industrialização. Segundo o Fórum Econômico Mundial, a cidade de Medellin (clic) foi reconhecida como a capital da inovação da América Latina e uma das cidades com melhor desempenho econômico do continente. A ideia é transformar a capital da província de Antióquia num centro tecnológico, inspirado nos casos de sucesso da Europa e Ásia. Os colombianos mantém, ainda, o ranking da produção do melhor café do mundo. Já no Cenário de competição latino-americano, Honduras mostra que sua atividade cafeeira veio para ficar. O destaque fica para a região hondurenha de Copan, onde o café é caracterizado pelas notas e aroma sutil de caramelo e chocolate.

Agenda de Cortizo

O novo presidente panamenho Nito Cortizo (flash por Enmanuel Benavides) acaba de regressar de importante missão nos EUA para, além de atrair investimentos norte-americanos e incrementar a relação bilateral, negociar a proteção para que o seu país não seja objeto de sanções internacionais, haja vista que a OCDE-Organização para a Cooperação e Desenvolvimento Econômico- ainda preserva o Panamá em sua lista cinza (países que cooperam com as estandardizações internacionais, mas que não chegaram à plena conformação com as regras de transparências financeiras e fiscais).

Compartilhar